Circuito de Entre Douro e Minho – Solidário



Por que a solidariedade faz parte “do ser” caçador, não podia o 1º Circuito de Santo Huberto Inter-Clubes de Entre Douro e Minho ficar indiferente a essa realidade.

Durante as seis provas que compõem o circuito, foi-se tentando arranjar alguma folga financeira para que (não comprometendo a qualidade das provas), se conseguisse alguns fundos extra. Essa folga viria do valor das inscrições, conjugado com as ofertas dos vários patrocinadores que foram apoiando a iniciativa. Assim, e depois de muitos cálculos e exercícios de probabilidade, conseguiu-se arranjar forma de ajudar “alguém”. Na minha opinião, ninguém merecia mais essa ajuda do que a ALAAR!

Mas afinal quem é a ALAAR? “A Associação Limiana dos Amigos dos Animais de Rua, é uma associação sem fins lucrativos, de Ponte de Lima, que pretende ajudar os animais de rua, prestando todos os cuidados necessários aos patudos e procurando famílias capazes de lhes dar uma vida melhor.”

A ALAAR já foi por nós (santo-hubertistas), ajudada noutra prova. A presidente da associação, que esteve presente no almoço da encerramento, não deixou de reconhecer a importância do nosso pequeno contributo para mitigar um pouco as dificuldades com que se debatem no dia a dia. Mais ainda! Não apadrinhou as ideias dos radicais anti-caça que vêem os caçadores como assassinos sem escrúpulos. Foi comovente ver a forma como nos agradeceu nessa altura. Sem falsos moralismos, nem ideias pré-concebidas.

Desta vez propomo-nos a oferecer à ALAAR uma palete de ração para ajudar os seus protegidos. Será um pequeno contributo, claro, mas é uma forma de ajudar quem muito precisa: os “patudinhos” que não tiveram a sorte que mereciam ter na vida…

Essa oferta será feita na última prova do Circuito, a realizar em Vila Nova de Cerveira, no dia 6 de Julho. Esperamos pela vossa presença!



Gostou deste Post?

Speak Your Mind

*

Criação de Blogues e Sites em Wordpress | MisterWP