Idanha-a-Nova – Detidos por caça furtiva

O Comando Territorial de Castelo Branco, através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Idanha-a-Nova, no período entre 13 e 21 de setembro, deteve três homens, com idades entre os 31 e os 66 anos, por caçar furtivamente, no concelho de Idanha-a-Nova.
Na sequência de uma ação de fiscalização direcionada para a caça, os militares da Guarda detetaram os suspeitos com material de caça e sem apresentar qualquer credencial que justificasse a proveniência dos animais.
Durante as diligências policiais, foi apreendido o seguinte material:
• Três armas de fogo;
• 54 munições;
• Três miras telescópicas;
• Três lanternas;
• Dois moderadores de som;
• Uma vara de apoio para disparo;
• Uma faca;
• Três peças de caça.
Os detidos foram constituídos arguidos, e factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Idanha-a-Nova.
Esta ação contou com o reforço do Posto Territorial (PTer) de Idanha-a-Nova.
Fonte: GNR
Nenhuma descrição de foto disponível.
Criação de Blogues e Sites em Wordpress | MisterWP