Jantar anual do CPM



Na passada sexta-feira dia 27 de Junho teve lugar no salão nobre da Tapada Nacional de Mafra a edição de 2014 do Jantar anual do Clube Português de Monteiros, que contou com a presença de mais de uma centena de participantes entre sócios, familiares e convidados.

À semelhança dos anos anteriores, foram convidadas e estiveram presentes representantes de instituições públicas com as quais o Clube pensa e concretiza diversos projectos relacionados com a Caça (como o Turismo cinegético, a preservação da Saúde pública, e o Ordenamento e a Gestão dos territórios cinegéticos), em particular o novo Director-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV) Engº Álvaro Mendonça, a presidente do Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) Engª. Paula Sarmento, a Presidente da Direcção da Tapada Nacional de Mafra (TNM), Dra. Alda Mesquita, e a Universidade de Aveiro (UA), representada pelas Profs. Celeste Varum e Celeste Eusébio e pela Dra. Cláudia Mota. Estiveram igualmente presentes o presidente do Clube de Monteiros do Norte (CMN), Dr. Álvaro Moreira, o presidente do S.C.I. Lusitânia Chapter (SCI), João Corceiro, o responsável editorial do Grupo V em Portugal, Pedro Vitorino, e ainda o presidente da Juvenex espanhola, Alberto Covarsi.

Depois dos aperitivos e de uma animada recepção no exterior do salão que quase levou os presentes a esquecer as horas, teve lugar o magnífico jantar, servido por uma conceituada empresa de catering (ver menu aqui).
No final do jantar, o Presidente do C.P.M. Artur Torres Pereira fez uma breve resenha dos projectos em que o clube se encontra envolvido (dando a conhecer melhor aos presentes o Plano Estratégico de Turismo Cinegético do Alentejo e Ribatejo, a Rede de Ecoepidemiovigilância para a Tuberculose animal, e o Protocolo a assinar na próxima edição da FECIEX, em Badajoz, com a Juvenex, para incremento dos contactos e do intercâmbio entre jovens caçadores e monteiros de Portugal e de Espanha), tendo ainda anunciado que o CPM levará a efeito três acções de Caça maior na próxima temporada, uma mais do que até aqui.
De seguida, passou-se à cerimónia da entrega de prémios anuais do CPM, a qual foi coordenada pelos directores Mário Rodrigues, Manuel Sevinate Sousa e Rui Piteira.

O prémio Miguel Potes (Imagem Monteira do Ano) não foi entregue por não ter havido nomeados.

O Prémio Carlos Vacas de Carvalho (Patrocínio PORTUGAL HUNTING – VIAGENS DELMAR) premiando a Matilha mais se distinguiu ao longo da última época, foi atribuído à Matilha Serra da Estrela, propriedade dos Srs. Vítor Santos e António Santos (pai e filho), e foi entregue pelo director Rui Piteira e pelo Dr. Paulo Oliveira, gerente da Portugal Hunting-Viagens Delmar, aos respectivos proprietários.

O Prémio Jorge Roque de Pinho (Patrocínio JOÃO PORTUGAL RAMOS, Vinhos), premiando a melhor montaria em Mancha de Javalis, foi atribuído à Companhia das Lezírias, montaria do CPM co-organizada em 29 de Janeiro passado em Alcochete na Mancha de Vale Cobrão (ver descrição aqui), e foi entregue pelo director Mário Rodrigues ao Eng. Rui Alves, director da Companhia das Lezírias, que se fez acompanhar pelo sr. José Luis Coelho, co-gestor da propriedade.

O Prémio Estêvão e Maria Adelaide Pape (Patrocínio CACICAMBRA), premiando a melhor montaria em Mancha mista, foi atribuído à organização Mancha Maior pela montaria por ela organizada em 25 de Janeiro passado na Z.C.T. da Baliza, e foi entregue pelo director Manuel Sevinate Sousa ao sr. José Manuel Reia, representante da Mancha Maior, na presença do representante da propriedade, Pedro Delgado.

O momento solene da noite teve lugar com a entrega do Prémio Dr. António Salgado (Patrocínio MONFORTUR) para o Monteiro do ano, atribuído a título póstumo ao Eng. Pedro Reina, jovem caçador e Monteiro de Beja cujo desditoso e prematuro falecimento no final do ano transacto em todos causou imensas tristeza e saudade, e a quem, apesar da sua juventude, foram integralmente reconhecidos os princípios e os valores que norteiam o CPM na atribuição deste galardão.

MONTEIRO Pedro Reina
Depois de emocionante evocação da figura humana e monteira de Pedro Reina pelo presidente Artur Torres Pereira, e da evocação pessoal do seu amigo de sempre José Maria Brito Paes, o Prémio foi entregue pelo presidente aos pais do homenagiado, Drs. José e Isabel Reina, e à sua esposa, Vera Reina, tendo o dr. José Reina proferido comovidas palavras de agradecimento.

Finalmente, procedeu-se ao momento sempre apaixonante do sorteio dos inúmeros prémios gentilmente cedidos por armeiros, organizações de Caça maior, patrocinadores e amigos do CPM, coordenado com eficiência e humor pelos directores Mário Rodrigues e Artur Guérin. Como habitualmente, o dr. Luís Pessanha Guedes deu nas vistas pela sua habitual sorte, apesar de ter demorado a “aquecer”…

Ia já longa a noite quando o último monteiro abandonou contente a Tapada Nacional de Mafra, deixando a promessa de voltar sempre e mais uma vez a tão saboroso e estimulante convívio.

Fonte: CPM



Gostou deste Post?

Speak Your Mind

*

Criação de Blogues e Sites em Wordpress | MisterWP

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com