SHOT SHOW 2020 – Novidades óptica



No mês de janeiro decorreu em Las Vegas a Shot Show, uma dos maiores feiras do mundo no que concerne a armas e equipamentos, sejam eles relacionados com caça, tiro ou outras práticas desportivas.

Fica aqui um pequeno resumo das principais novidades apresentadas neste certame em termos de óptica.

Kahles Helia RF-M

A Kahles apresentou o telémetro Helia RF-M desenvolvido especialmente para atender aos requisitos dos caçadores. O compacto Kahles Helia RF-M pesa apenas 7,54 oz / 214 g, dificilmente se notando o seu peso ao caçar, tendo um design ergonómico, sendo de operação intuitiva e simples navegação no menu.

Consegue medir alvos até 2000 m. A 1000 m, o caçador ainda tem um campo de visão de 117 m, com excepcional clareza de ponta a ponta. O monitor OLED de qualidade premium pode ser ajustado manualmente em 5 configurações de brilho e mostra a distância em metros ou jardas. Além da distância, o Helia RF-M também pode exibir temperatura e pressão do ar no modo de varredura. Para resultados corretos de medição, o rangefinder da Kahles também possui uma função de correção de ângulo patenteada chamada EAC (Compensação de ângulo aprimorada).

A Kahles prestou atenção ao baixo consumo de energia e uma bateria deve durar cerca de 4000 medições.

O Kahles Helia RF estará disponível em abril de 2020 a um preço de 550 euros .

Para mais informações consultar o site da KAHLES

Telêmetro Kahles Helia RF-M 

 

Pulsar

A Pulsar apresentou a nova mira digital de visão noturna HD, a Digex , que apresenta a mais avançada tecnologia de sensores de 40 mk no topo da linha de produtos de imagem térmica do fabricante.

Os produtos atualizados apresentados no SHOT Show 2020 incluem o monóculo térmico Helion 2, a mira térmica Trail 2 LRF – Thermal imaging com telémetro a laser embutido e a linha Thermion XQ de miras térmicas.

Pulsar Digex 450/455

O nova mira é equivalente à Digisight ULTRA N450/N455 com pequenas modificações. A principal diferença está no formato: tem o design da mira térmica Thermion, sendo montada na arma usando anéis de 30mm.

Ela transmite a imagem graças à matriz CMOS fotossensível de resolução HD, com um tamanho de 1280 por 720 pixels. Graças ao trabalho dos programadores do Pulsar, a imagem é tão sofisticada que, no crepúsculo, assim como na presença da lua e das estrelas no céu, não é necessário ligar o iluminador embutido, e quando estiver completamente escuro, basta ligar o iluminador.

O SumLite também melhora bastante a imagem no escuro; às vezes, em vez de ligar o iluminador, basta ativá-lo.

O alcance de visão depende fortemente da humidade e da temperatura do ar, bem como do ambiente, sendo que nas instruções referem distâncias até 500 metros, mas é possível que em condições perfeitas o alcance seja superior.

A montagem da mira em anéis de 30 mm facilita a localização de suportes até para as armas mais raras.

A ampliação óptica do osciloscópio é quatro; existe uma ampliação digital de dois e quatro; portanto, a ampliação máxima é dezasseis.

Permite a gravação de vídeos e fotos, sendo armazenados na memória interna de 16 GB. Vídeos e fotos podem ser transferidos para um computador, bastando usar os cabos USB (incluídos) ou transferidos via wi-fi para um smartphone ou tablet. Também é possível transmissão de imagem ao vivo.

O corpo da mira é de metal, sendo leve e forte ao mesmo tempo, é coberto com um material de proteção que proporcionará uma excelente aparência por muitos anos.

Tradicionalmente, para os modelos mais recentes de miras Pulsar, existem cinco perfis para guardar os parâmetros de disparo, e cada perfil pode armazenar até 10 valores, de modo que a mira pode guardar até 50 valores de tiro para diferentes distâncias, opções de armas e munições.

A inovação mais interessante é um novo tipo de alimentação. A mira tem duas baterias: uma interna e a segunda removível. No início, a mira utiliza a energia da bateria removível, e assim que ficar sem energia, a mira automaticamente muda para a interna sem desligar, podendo-se depois trocar a bateria descarregada sem desligar a mira.

A mira é ativada em apenas três segundos. Depois de pressionar o botão on/off, ela fica quase instantaneamente pronta a funcionar.

As cargas de impacto que a mira pode suportar são suficientes para trabalhar em armas de caça com calibre até 375 inclusive, podendo também ser colocadas em armas de cano liso de calibre 12.

A Pulsar Digex está disponível em dois modelos, a Digex N450 e Digex N455.

PVP (Estimado) – 1450€

A imagem pode conter: câmara Nenhuma descrição de foto disponível. Nenhuma descrição de foto disponível.
Pulsar Helion 2 
Este monocular é obviamente uma versão atualizada do monóculo térmico HELION; a sua principal característica é o novo sensor 40mK NETD; além disso, tem um novo microdisplay AMOLED de resolução HD (1024×768) que apresentará uma ligeira mudança de ampliação em relação às gerações anteriores do dispositivo, 16 GB de memória interna, tempo de inicialização mais rápido e maior capacidade Bateria IPS7.
Pulsar Trail 2 LRF
Teve evolução semelhante ao Helion, com o uso da nova tecnologia de sensor 40 mK NETD e microdisplay, memória integrada, horário de início e bateria IPS7; além disso, haverá uma caixa de liga de magnésio, uma nova ocular grande angular e a introdução de um novo modelo, o Trail 2 LRF XP50, uma mira térmica topo de gama baseado num sensor de 640×480, 40 mK NETD, 17 µm com telémetro a laser embutido, gravador de vídeo e Wi-Fi.
Por fim, mas não menos importante, a expansão da gama de miras térmicas Thermion para 2020, com os modelos XQ38 / XQ50 baseados em sensores de resolução 384×288 de pitch de pixel de 17 µm com a nova tecnologia aprimorada de sensor de sensibilidade NETD de 40 mK.
Para mais informação consultar o site da PULSAR

 

Aimpoint CompM5b

A Aimpoint apresentou o seu primeiro modelo com rápida compensação de balística, oferecendo também ajuste de compensação de vento ou munição, possuindo ainda torres de ajuste intercambiáveis.

O Aimpoint CompM5b é o primeiro ponto vermelho em que a posição do retículo pode ser rapidamente ajustada para compensar a queda balística da distância do alvo. A compensação de vento ou da munição também pode ser ajustada, e a mira também vem com torres intercambiáveis, que são adaptadas para diferentes calibres a diferentes distâncias.

O CompM5b permite a troca rápida de tipos e distâncias de munição sem ter que compensar a queda balística da bala ou zerar novamente a mira. O retículo é ajustado automaticamente na mira ao ajustar as torretas. O ponto vermelho 2 MOA oferece dez configurações de brilho. A fonte de alimentação é fornecida por uma bateria alcalina de 1,5 V LR03 ou por uma bateria de lítio FR03 que garante uma vida útil de 5 anos nas configurações de iluminação de 7 e 10 anos nas configurações de 1 a 4 para uso com os dispositivos de visão noturna.

A mira é equipada com uma base de saque rápido que permite montar e desmontar com rapidez, e a construção extremamente robusta também inclui uma tampa da lente frontal. O peso do Aimpoint CompM5b completo com base e torres é de 8,95 onças / 254 gramas, enquanto a mira por si só pesa 5,64 onças / 180 gramas.

O CompM5b é à prova d’água até 45 metros e é compatível com todas as gerações de dispositivos de visão noturna e ainda com os Aimpoint (3XMag-1 e 6XMag-1).

O preço ainda não foi definido.

Para mais informações consultar o site da AIMPOINT

 

Resultado de imagem para Aimpoint CompM5bResultado de imagem para Aimpoint CompM5b



Gostou deste Post?

Speak Your Mind

*

Criação de Blogues e Sites em Wordpress | MisterWP